Mamãe elegante

Conheci a Fê Luchesi em uma palestra sobre estilo feita pela empresa como presente para as mulheres no último dia das mães. O papo com as outras mães / colegas do trabalho foi ótimo, afinal, ao mesmo tempo que as dúvidas são várias, o assunto é uma delícia! Por isso, convidei a Fê para bater um papo sobre algumas questões de moda comuns entre as mamães.

MH: Muitas mães demoram a voltar à forma após a gestação. Quais as dicas para disfarçar a barriguinha e outras gordurinhas que persistem em ficar lá depois da chegada do bebê?

Uma dica legal é usar cintura alta, que além de estar super em alta, irá segurar e colocar tudo no lugar. Você pode escolher uma calça de cintura alta ou uma saia de cintura alta. Além de tudo, elas são super confortáveis para se movimentar e acompanhar seu filho em todos os lugares, sem se preocupar com o cofrinho!

Clique para ver as imagens em tamanho grande.

Imagens: Blog Elo7 e Blog El Ropero

 

Mães precisam de praticidade e conforto: como combinar essas características sem perder a beleza e feminilidade?

A maioria pensa que precisa estar de salto alto e com roupas desconfortáveis para estar elegante e bonita, mas não tem nada disso! As sapatilhas podem ser sinal de elegância! Escolha uma sapatilha de bico fino, pois trás mais formalidade e refinamento para o look  e estará super feminina e bonita! Coloque essa sapatilha com um jeans e um blazer ou jaqueta e já está super arrumada!

Mamãe elegante, mãe elegante, roupa de trabalho, maternidade hoje

Lembre-se sempre de colocar um acessório que chame atenção para dar um up no visual. Qualquer blusinha podrinha com um super colar já vira uma linda produção.  Brincar com as cores das roupas também vale!

Outra dica é tentar misturar peças que você normalmente não usaria, como roupa de trabalho no dia a dia, como por exemplo, usar a camisa branca com um shorts jeans e all star. O look vai ficar moderno, confortável e com um toque elegante!


Mamãe elegante, mãe elegante, roupa de trabalho, maternidade hoje

Fê Luchesi é Personal Stylist e fundadora da Pro Style Coach, empresa de Consultoria de Imagem & Estilo, formada em Nova York pela FIT (Fashion Institute of Technology).


Se alguma imagem utilizada neste blog for de sua autoria, por favor entre em contato e envie seus dados que incluímos os créditos. Nós respeitamos as regras de direitos autorais.

If You see a picture with no name here and You are the author, please contact us and send the info for proper credits. We respect the copyrights.

Como preservar a relação do casal após a chegada dos filhos

A expectativa do nascimento de uma criança geralmente é um marco na vida de um casal. Muitas são as fantasias e questões em relação à este que vai chegar: com quem será parecido? Será cabeludinho, carequinha? Qual a cor dos olhos? Qual o sexo? Que cor fazer o enxoval?

Por do sol, casal, dia dos namorados, maternidade hoje

Muitos são os preparativos para que tudo aconteça da melhor maneira possível. Entretanto, após a chegada do bebê muitas mudanças ocorrem na rotina das famílias. Em um primeiro momento os pais ficam voltados para a criança motivados pelos intensos cuidados que a mesma necessita. Aos poucos as tarefas tornam-se rotineiras e o novo ser irá se integrando a seu lar.

Nesta fase é muito comum ocorrer um abalo na relação do casal. O par vem de famílias diferentes e com pensamentos às vezes divergentes de como criar a criança. Por vezes esta diferença de opinião soa dentro do relacionamento como pessoal e ambos podem se sentir desprezados dentro da relação marido x mulher.

É fundamental que o casal converse bastante sobre seus sentimentos e comece a retomar sua intimidade enquanto homem e mulher para fortalecerem a relação e que não se ocupem apenas com os papéis de pai e mãe. Talvez alguns programas feitos a dois antes da chegada do rebento tenham que ficar em suspenso por algum tempo, mas com criatividade podem ser substituídos. Por exemplo: criar uma rotina como colocar os filhos para dormirem a uma mesma hora e assim terem um tempo para conversarem, assistirem à um filme, tomarem um vinho… Contar com a ajuda de um parente ou uma babá de vez em quando para saírem para um jantar, cinema, teatro ou até mesmo fazerem uma viagem…

Ainda: pequenos gestos diários como elogios mútuos, palavras de carinho, um bilhetinho, uma mensagem no meio do dia são ferramentas simples porém muito eficazes no desenvolvimento e manutenção de habilidades amorosas e fazem toda a diferença no fortalecimento do casamento.

Um casal feliz em sua relação transmite segurança e tranquilidade à sua prole e se fortifica tornando as variações da vida familiar mais leves.

Roupas para gestantes: 7 peças chave para usar durante e depois da gravidez

Substitua consumo por autoestima – esse é o mantra das consultoras Cris Zanetti e Fê Resende, responsáveis pelo blog Oficina de Estilo. Segundo a dupla, o segredo para conquistar um estilo elegante sem esforço é um armário enxuto e coordenável. Quem não quer? Para a gestante, esse desafio é dobrado. Mas com algumas peças-chave e acessórios, é possível montar um guarda-roupa esperto para usar durante a gravidez e (bônus!) aproveitar muitas das novas peças também após a gestação – sem parecer que continua grávida, por favor!

Sutiã

Já contei no post sobre amamentação que essa foi a primeira peça que comprei quando fiquei grávida. Para aumentar a vida útil do seus novos sutiãs, você já pode aproveitar e comprar peças adequadas para a amamentação. Mas atenção: sutiãs de amamentação costumam ser feitos com uma malhinha que não dá sustentação nem modela. Observe isso antes de comprar e fuja desses! Meus modelos favoritos de amamentação são os da Any Any e Scala.

Vestidos de malha soltinhos

A malha se adapta bem ao crescimento da barriga. Mas observe se a peça não está justa demais, porque malha marcando o corpo (e a lingerie, gordurinhas, etc) não dá! Depois que o bebê nascer, continue aproveitando seu vestido: é só marcar a cintura com um cinto e sua peça ganhou vida extra!

(clique para ver as imagens em tamanho grande)

Regatas caneladas

Eu usei muuuuito durante a gravidez: compre em várias cores, 1 ou 2 tamanhos maior do que você usaria normalmente. A malha canelada acompanha muito bem o crescimento da barriga e fica ótima embaixo de blazers, cardigãs, jaquetas, coletes ou mesmo sozinha para um visual mais casual. Depois da gravidez, continua companheira para velar peças mais decotadas ou em composições descontraídas para o fim de semana.

Jeans para gestante

Nada é mais confortável! Invista em pelo menos um jeans com modelagem específica para grávidas, com lavagem e cortes mais tradicionais – você vai repetir muito, melhor que não seja uma peça marcante. Seu jeans seguirá com você por algumas semanas após o parto – enquanto a barriguinha ainda estiver lá. Essa é uma peça que não dá para aproveitar: a modelagem para gestante é ótima para gestantes, ponto. Depois, fica esquisita. Se seu jeans chegar ao fim de gravidez em bom estado, doe para outra futura mamãe.

Legging

Outra peça fácil de combinar e que é puro conforto! Vá de legging preta e lisa, com comprimento até o tornozelo. É a versão mais elegante e a prova de erros. Existem versões de legging de gestante com uma pala bem grande para cobrir a barriga e outras com cintura mais baixa, com elástico molinho que acompanha o crescimento do ventre. Eu usei as duas, mas prefiro a segunda versão. Além de mais confortável, não perde o prazo de validade: você pode continuar usando após o nascimento do seu bebê, pois ela se adapta ao corpo.

Bata

É um clássico das grávidas, especialmente na versão com decote império. Mas aqui vai a dica: esse decote, marcando a região abaixo do busto, fica ótimo em gestantes. Mas após a gravidez, ele faz com que você pareça eternamente grávida. Se quiser uma peça com vida útil mais longa, opte por batas sem esse tipo de decote (como a da Gisele na foto abaixo).

Camisa com botões

As versões mais soltinhas te acompanham bem durante boa parte da gravidez. Não fecha mais? Sem problemas, combine com sua regata canelada e faça da sua camisa uma espécie de casaquinho leve. O melhor da camisa vem depois: nada, absolutamente nada, é melhor para ser vestido do que uma camisa quando se está amamentando!

Imagens: Pinterest

Viagem com crianças

Planejamento e pesquisa são palavras-chave quando quero ir para um destino bacana com a família. A última, em hotel tudo incluído, foi reservada com 7 meses de antecedência e entrou na minha lista de top 3 para o que considero férias:

  • Não ter de pensar e nem colocar em prática o cardápio da semana;
  • Desfrutar de uma refeição inteira quente sem ser intorrompida para dar água, trocar fralda ou acudir criança em apuros;
  • Dormir a noite inteira e, às vezes, acordar só quando o olho abrir mesmo;
  • Divertir-se com marido e filhos sem pensar na organização da casa!
  • Nessa experiência tudo foi possível porque tínhamos ao redor 4 avós, 5 tios, 2 priminhos e um lugar maravilhoso e com infra-estrutura! Obrigada!

Bahia

O hotel é o Grand Palladium Imbaçaí e oferece recreação para TODAS as idades, tem diversos restaurantes. O que mais gostei foram: as opções de papinha no buffet; o espaço, além piscina e areia, para os pequenos que engatinham e ainda não têm idade para as brincadeiras da colônia; o show infantil todas as noites e o preço!

Grand Palladium Bahia

Para qualquer destino consulto as revisões do TripAdvisor.com. É uma baita fonte de pesquisa, que com opiniões diversas é possível equalizar os altos e baixos do lugar e chegar com a expectiva certa.

Nassau – Bahamas

Para quem viaja para os Estados Unidos e não é muito ligado em Geografia, esse lugar paradisíaco fica a 40 minutos de avião de Miami. O hotel mais famoso lá é o Atlantis, para nossa família não valeria a pena porque não aproveitaríamos tudo que o hotel oferecia. Por isso escolhemos o Melia, não tem todo o borogodó brasileiro do Grand Palladium, mas esse mar ali embaixo vale a visita.

Melia Bahamas

E o mais inesquecível, econômico e legal de todos!

Férias na casa das vovós, tem coisa melhor?

Viagem para casa da vovó

Sonhe, economize e planeje-se que tudo vai conspirar!

Este post não é patrocinado. Apenas compartilho experiências e produtos que são e foram úteis para minha Maternidade Hoje!

4 passos para transformar a casa para o Dia das Mães

Alguns detalhes transformam um dia comum em um dia de festa: uma decoração especial, um cardápio mais sofisticado, caprichar na roupa… E o Dia das Mães pede para ser um dia assim, com cara de festa! Principalmente quando nossa casa é o palco escolhido para a comemoração. Que tal investir em alguns detalhes que vão transformar sua casa para esse dia tão especial?

Passo 1: flores

Poucas coisas têm tanto poder de transformar a imagem e o astral da casa como flores! Para o Dia das Mães, escolha opções clássicas e delicadas, como rosas e tulipas, brancas ou cor-de-rosa. Você pode usar vasos tradicionais ou inovar, usando xícaras (com mini-rosas), bules ou mesmo vidros como de palmito. No final, as flores viram presentes para as mães. Ah! Se a comemoração for no jantar, não se esqueça de incluir velas!

Imagens: The Giving Bride e Vintage Rose Brocante

Passo 2: uma bebida especial

Não há no mundo bebida mais festiva que um bom espumante! Além de ser um hit entre as mulheres. E não é necessário reservar o espumante somente para o brinde: uma opção mais seca harmoniza muito bem com pratos leves, como frutos do mar, carnes brancas ou massas com molhos leves ou branco. Já espumantes mais doces casam bem com as sobremesas. Uma opção mais suave é preparar uma mimosa: basta misturar o espumante com suco de laranja.

mimosa

Imagem: Damn Delicious

Passo 3: mesa bem posta

Se a opção for uma refeição tradicional, com todos sentados à mesa, capriche na escolha da toalha e das louças, use guardanapos bonitos e troque os copos por taças. Já se a ideia for fazer algo mais informal, monte uma bancada de apoio caprichada, usando as flores do passo 1.

Imagens: Cush and Nooks e Heather Bullard

Passo 4: o cafezinho que fecha a festa com chave de ouro

Se você tem um vaporizador que faça uma boa espuma de leite, arrisque seus dotes de barista e tente fazer um desenho no café. Se você não tem o vaporizador (ou grandes dotes artísticos), faça um cappuccino com um coração. O vídeo abaixo mostra como fazer, mesmo que você não tenha nenhuma habilidade – e também dá uma ideia de presente para seus convidados. Lembre-se de comprar alguns bombons especiais para acompanhar o café.

Feliz Dia das Mães!